quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Tratado Completo de Magnetismo Animal











 


Do Sr. Barão Du Potet
Tradução por Cleone Teodoro Reis e Reneé Chantal Dugué.
Revisão Geral por Jacob Melo.

"Virá o tempo da justiça para o magnetismo, como veio para tantas outras descobertas desconhecidas ou desacreditadas em sua origem; essa ciência, que encontra hoje tantos detratores, será reabilitada, e os ataques daqueles que procuraram sufocá-la permanecerão apenas como monumentos que atestam a paixão dos homens e sua cegueira."
Assim se pronunciou Du Potet no primeiro capítulo desta obra, depois acrescentando que "O sábio não deve nem desprezar nem se admirar, ele deve examinar". - Foi o que ele fez com o Magnetismo ao longo de quase 60 anos, o que lhe autorizou a concluir:
"Nesse grande movimento que leva o mundo rumo a uma nova ordem social, e que é impossível ainda definir, o magnetismo é chamado a desempenhar o mais importante papel. Ele será a base de todas as ciências médicas, pois ele é o agente que a Natureza emprega para a conservação dos seres. Ele será a base da Filosofia, o suporte dos mais puros princípios do Evangelho. Através dele os homens se reconhecerão e conhecerão Deus, porque ele é o liame invisível, porém real, que solda o espírito à matéria, o elo da corrente que liga a alma aos invisíveis".

Sem comentários:

Enviar um comentário